Portal da Prefeitura da Cidade de São Paulo








Teste Seus Conhecimentos!



Virando o Jogo
Desenvolvido pela Supervisão de Tecnologia da Informação e Comunicação da Secretaria de Esportes










              


                   

Questionario Esportivo Interativo
Siga-nos nas Redes Sociais





QEI






VIRANDO O JOGO SAMPA

 

A Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Recreação de São Paulo (SEME) tem entre suas metas o atendimento à população em diferentes regiões e condições sociais da cidade. Para tanto foi criado o Virando O Jogo Sampa. O projeto objetiva amenizar a situação de pessoas em zonas de vulnerabilidade e risco social, diminuir a ociosidade no período não escolar, facilitar o acesso às atividades esportivas e de lazer e, principalmente, auxiliar aos que têm poucas possibilidades de frequentar aulas dirigidas ou de usufruir do lazer espontâneo, próximo de sua moradia.

Esta é uma iniciativa voltada para o esporte, lazer e recreação, com foco em crianças e adolescentes de 03 a 17 anos de idade. Contudo não existe exclusão de outras faixas etárias. As modalidades são: Basquete; Hip-Hop; Skate; Arte; Patins; e Oficina de Motricidade (desenvolvimento das habilidades básicas e coordenativas). Atividades que servirão como instrumentos de inclusão e transformação social, buscando desenvolvimento integral do indivíduo e sua formação educacional.

Serviços

Onde:

Largo Coração de Jesus - Luz

Endereço: Travessa da Alameda Glete, S/Nº

Bairro: Nova Luz

Centro Comunitário Águas Espraiadas

Endereço: Rua Lacônia, 100

Bairro: Jardim Aeroporto

Praça Francisco Mendes de Sá - Viaduto Glicério Endereço: Avenida Prefeito Passos Bairro: Glicério



Quando:

Segunda a Segunda das 9h às 16h

Objetivos Específicos

· Utilizar o esporte, lazer, recreação, como um instrumento para modificar a imagem das praças, pela transformação do público que a frequenta;

· Diminuir o índice de ociosidade, violência e consumo de drogas nas praças por meio das atividades físicas, de lazer, esporte e recreação de caráter educativo.

· Formar uma rede de proteção que priorize os direitos deste público, segundo o Estatuto da Criança e Adolescente – ECA

Público Alvo

· Crianças e Adolescentes, de ambos os sexos, de 03 a 17 anos, que residam ou circulam pelas praças;

· Crianças e Jovens em situação de vulnerabilidade social;

· Moradores de rua, que residam ou frequentam as praças;






Veja mais imagens clicando Aqui.